CAMINHONEIROS DE CARMO DO PARANAÍBA ADEREM ÀS MANIFESTAÇÕES CONTRA OS PREÇOS ABUSIVOS DE COMBUSTÍVEIS

CAMINHONEIROS DE CARMO DO PARANAÍBA ADEREM ÀS MANIFESTAÇÕES CONTRA OS PREÇOS ABUSIVOS DE COMBUSTÍVEIS

 

As manifestações dos caminhoneiros que acontecem pelo Brasil afora chegaram também na região de Carmo do Paranaíba.  Nesta quarta feira(23) no trevo da cidade, saída  e entrada do Soares só passam veículos pequenos, ambulâncias, ônibus e com cargas de perecíveis. As manifestações tem como principal reivindicação dos caminhoneiros a redução da carga tributária sobre o diesel. Os motoristas pedem a zeragem da alíquota de PIS/Pasep e Cofins e a isenção da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico). Os impostos representam quase a metade do valor do combustível na refinaria. Segundo eles, a carga tributária menor daria fôlego ao setor, já que o diesel representa 42% do custo do frete. Todos os setores do país estão sendo atingidos duramente com a política de preços adotada pela Petrobrás e já não suporta mais os aumentos abusivos dos combustíveis. As manifestações começaram na última segunda-feira, 21 e até agora não tem prazo para terminar. A Polícia Militar esta dando total amparo para que as manifestações sejam pacíficas mantendo se a ordem e respeitando nossa Carta Magna que diz: No Brasil, a Constituição Federal institui a liberdade de locomoção no inciso XV do artigo 5º: “É livre a locomoção no Território Nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens”. A Constituição Federal também aprova no país o direito a manifestação, em seu inciso XVI do artigo 5º: “todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais aberto ao público, independentemente de autorização”.

Fotos: Cláudio Cícero